Felipe Augusto é reeleito presidente da Fenapaf para o próximo quadriênio

Após posse na última segunda-feira, mandatário segue no cargo até 2024

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 07 (AFI) - Após trabalho realizado nos últimos anos à frente da Federação Nacional dos Atletas Profissionais de Futebol (Fenapaf), Felipe Augusto é reeleito para o próximo quadriênio.

Após tomar posse na última segunda-feira, 06 de abril, o mandato do cartola na entidade será válido entre 2020 e 2024.

O mandatário, em nota, emitiu comunicado para agradecer a confiança depositada e projetou sequência do trabalho na Fenapaf.

LEIA AS PALAVRAS DO PRESIDENTE:

Felipe Augusto é reeleito presidente da Fenapaf
Felipe Augusto é reeleito presidente da Fenapaf
"Hoje mais uma página do livro da minha vida virou.

Assumo pela segunda vez a honrosa missão de ser o Presidente da Fenapaf, o que torna este momento de muita reflexão.

Neste quadriênio que desabrocha, prometo não arredar do sonho de ver um futebol brasileiro mais “para todos”, pelo menos que o emprego possa chegar trazendo dignidade aos atletas e as suas famílias durante a maior parte do ano.

A defesa dos direitos individuais e coletivos sempre será a minha principal bandeira, não irei deixar de sonhar com mais igualdade e segurança, por fim, com um trabalho mais sadio e duradouro para todos os atletas no Brasil.

Preciso realçar que as diferenças serão minoradas com o diálogo constante, respeito às instituições e pessoas, visto que sou um democrata e não duvido do poder das boas relações para aterrissar no bem comum, ou pelo menos, próximo dele.

Agradeço àqueles que admiraram o meu trabalho e da minha diretoria, sindicatos e colaboradores, somos talhados pra esta missão de representar com denodo uma categoria tão espetacular!

Digo aqueles que me criticaram: muito obrigado, faz parte da evolução, da democracia e do amadurecimento humano.

Eu cresci com humildade, eu cresci aprendendo com vocês também.

Finalmente, e não menos importante, agradeço à minha família, a distância nunca foi tão grande, mas o amor por vocês é infinito.

Obrigado meu Deus, te reverencio mais uma vez".