Fortaleza x CSA - Briga dura para fugir da Série B de 2020

As equipes se enfrentam neste domingo, às 19 horas, no estádio do Castelão

por Agência Futebol Interior

Fortaleza, CE, 15 (AFI) – Na briga contra o rebaixamento, Fortaleza e CSA fazem um confronto decisivo neste domingo, no Castelão, às 19 horas, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O time da casa tem situação mais tranquila e ocupa a 13ª colocação com 39 pontos, cinco a mais do que o Fluminense, primeiro time dentro da zona da degola.

Já o CSA está em 18º com 29 pontos e precisa voltar a pontuar após três derrotas seguidas para alcançar o Cruzeiro, primeiro time fora do Z4 com 35 pontos.

DESFALQUES DO LEÃO
No Fortaleza, o técnico Rogério Ceni tem alguns desfalques. O principal deles é Osvaldo. Maior garçom do time no Brasileirão, com cinco assistências, o atacante recebeu o terceiro cartão amarelo na vitória sobre o Ceará, por 1 a 0.

Além dele, Ceni não vai poder contar com o zagueiro Jackson, que se contundiu durante o Clássico-Rei, e o volante Gabriel Dias, suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

APODI NO ATAQUE
Pelos lados do CSA, Argel Fucks não poderá contar com o meia Jonatan Gómez. Expulso na derrota por 3 a 0 diante do Vasco, o jogador será substituído por Warley.

O atacante Héctor Bustamante, lesionado, também está fora e o setor será formado por Ricardo Bueno e Apodi, que atua mais uma vez de forma mais avançada, deixando a lateral-direita para Celsinho.

Ficha Técnica

Fase
Única
Rodada
33ª rodada
Data
17/11/2019
Horário
19h00
Local
Castelão - Fortaleza (CE)
Árbitro
Anderson Daronco (RS)

Renda
R$ 323.927,00
Assistentes
José Eduardo Calza (RS) e Michael Stanislau (RS)

Público
33.231 pagantes (34.231presentes)
Cartões Amarelos
CSA-AL: Warley

Gols
Fortaleza-CE: Juninho 33' 1T, Tinga 3' 2T, Paulão 8' 2T
Fortaleza-CE
Felipe Alves;
Tinga, Quintero, Paulão e Carlinhos;
Felipe (Derley), Juninho e André Luis (Kieza);
Romarinho, Edinho e Wellington Paulista (Matheus Alessandro)
Técnico: Rogério Ceni
CSA-AL
João Carlos;
Celsinho, Alan Costa, Luciano Castán e Carlinhos;
Dawhan, João Vitor, Apodi (Rafinha), Euller (Jean Kleber) e Warley (Bruno Alves);
Ricardo Bueno
Técnico: Argel Fucks