Defesa de jogador que matou ex-presidente nega que crime tenha sido por dívida

Segundo o delegado do caso, o atleta cometeu o ato por causa de uma relação entre o mandatário e sua mãe

por Agência Futebol Interior

Rolândia, PR, 17 (AFI) - A defesa do ex-jogador do Nacional-PR, Vinícius Corsini, divulgou uma nota à imprensa negando que uma dívida, no valor de R$ 7 mil, tenha levado o atleta a cometer o crime, que culminou com a morte do ex-presidente José Danilson Alves de Oliveira, na última quinta-feira.

Os advogados do Corsini não deram mais detalhes sobre o caso e confirmou que o mesmo encontra-se em inquérito policial. Na mesma nota, foi colocado um pedido de condolências aos familiares da vítima.

Segundo o delegado Marcos Rubira, Corsini confessou ter discutido com Danilson por causa de um relacionamento do presidente com a sua mãe, mesmo motivo que o fez pedir dispensa do Nacional-PR. Ainda conforme o delegado, o atleta optou por falar todo o ocorrido e em nenhum momento mostrou arrependimento.

Vinícius Corsini com a camisa do Nacional-PR
Vinícius Corsini com a camisa do Nacional-PR

Vinícius Corsini esfaqueou Danilson no fim da tarde desta quinta-feira, na região do pescoço e na perna. A perícia ainda não divulgou quantas perfurações ocorreram. O jogador tentou se livrar da arma, encontrada por policiais, e acabou sendo contido por pessoas próximas do local, até receber voz de prisão.

Confira a nota da defesa do jogador:

Acerca da fatalidade ocorrida pelo falecimento do Sr. José Danilson Alves de Oliveira, a defesa técnico do jovem Vinícius Corsini esclarece que:

O Inquérito Policial está em fase inicial, o que impede a defesa técnica de trazer detalhes dos fatos. Ainda, esclarece que os fatos ventilados pelas mídias virtuais a respeito da motivação do crime não condizem com a realidade.

Ademais, elucida que a motivação do delito não está ligada à contrato, demissão, convocação ou outro motivo relacionado à profissão que o jovem Vinícius Corsini exercia, conforme será demonstrado oportunamente.

Por derradeiro, a família do jovem Vinícius Corsini, consternada, lamenta profundamente pelo ocorrido e presta condolências aos amigos e familiares do Sr. José Danilson Alves de Oliveira.