Campeão candango de 2004, Mauro Fernandes é apresentado e inicia trabalho no Brasiliense

Em 2020, treinador vai iniciar a quarta passagem da carreira pelo Jacaré

por Agência Futebol Interior

Brasília, DF, 05 (AFI) - Duas semanas após a eliminação da Copa Verde, o elenco do Brasiliense se reapresentou como foco em 2020.

De comando novo, agora com o treinador Mauro Fernandes, os jogadores compareceram ao Centro de Treinamento e iniciaram as primeiras atividades na esticada "pré-temporada" até o ano que vem.

Em rápida apresentação ao novo comandante na academia, os atletas, em clima de confiança, ouviram a palavra do professor, que explicava os novos planejamentos e métodos de trabalho, além de apresentar o restante da comissão técnica.

HISTÓRICO

Com 65 anos, o profissional é natural de Sete Lagoas e chega para a quarta terceira passagem no Brasiliense.

Mauro Fernandes inicia trabalho no Brasiliense de olho em 2020 - Lucas Bolzan / Brasiliense FC
Mauro Fernandes inicia trabalho no Brasiliense de olho em 2020

Ele vestiu a camisa amarela nos anos de 2004, quando deu o primeiro título candango ao Jacaré, montando principalmente a base campeã brasileira da Série B no mesmo ano. Em 2010, teve rápida passagem durante as competições estaduais e nacionais.

"Chego na expectativa boa de realizar um grande trabalho. Fiquei na história em ter conquistado o primeiro título da primeira divisão com o Brasiliense e agora volto para implantar mais uma vez o bom trabalho. É claro que hoje está bem diferente do tempo que passei, mas vamos com confiança de que faremos grande trabalho de novo", garantiu.

Além do Brasiliense, Mauro Fernandes teve passagem por grandes clubes brasileiros, como Botafogo, Sport, Vitória, América Mineiro, Portuguesa. Seu último clube foi a Caldense, onde disputou o Campeonato Mineiro deste ano.

"Eu estou bem feliz, pois tive passagens de sucesso com essa camisa. Em 2004, montei a base campeã da Série B e conquistamos o título local. Agora, retorno com outros objetivos. A meta é voltar o Brasiliense para onde ele não deveria ter saído. Trata-se de um projeto a longo prazo, mas vamos analisar o que temos à disposição e o que posso trazer para fazer um 2020 de sucesso", completou.

No próximo ano, o Jacaré disputará quatro competições oficiais: Campeonato Candango, Copa do Brasil, Copa Verde e Campeonato Brasileiro da Série D.