Atacante da Chapecoense segue internado com Covid-19, mas tem quadro estável

Tosse e falta de ar leve foram os motivos para ele procurar o atendimento médico

por Agência Futebol Interior

Chapecó, SC, 13 (AFI) - A Chapecoense informou, por meio de nota oficial nesta segunda-feira, que o atacante Roberto segue internado com Covid-19, mas com quadro estável. Ele ainda passa por suplementação de oxigênio por conta da dificuldade de respirar. Tosse e falta de ar leve foram os motivos para ele procurar o atendimento médico.

"Apesar da preocupação inicial, no entanto, o Dr. Fabiano Wickler informou que o jogador apresentou melhora em relação ao desconforto respiratório e está passando por suplementação de oxigênio", diz a nota oficial da Chapecoense.

Roberto tem quadro estável. (Foto: Reprodução)
Roberto tem quadro estável. (Foto: Reprodução)
"Roberto segue internado e em isolamento, mas, a fim de tranquilizar todos os torcedores, o clube destaca que a sua situação é estável", completou o clube.

DESAFIO!
Após ser internado, Roberto se manifestou nas redes sociais. "Maior desafio da vida", resumiu o avançado, de 29 anos, que disputou seis jogos com a camisa do clube de Chapecó (SC) nesta temporada, mas não marcou gols.

O Campeonato Catarinense retornou na última quarta-feira após paralisação de quase quatro meses por conta da pandemia do novo coronavírus.

Após a confirmação de 14 casos na Chapecoense, de Moisés Egert, técnico do Marcílio Dias, Patrick, volante do Figueirense, de dois atletas do Criciúma e dois jogadores e dois integrantes do departamento médico do Joinville, os jogos das quartas de final Estadual foram novamente paralisados.