Presidente do Grêmio banca Renato Gaúcho, mas anuncia saída de dirigente

Romildo Bolzan Júnior deu um pronunciamento nesta sexta-feira depois dos últimos resultados negativos

por Agência Futebol Interior

Porto Alegre, RS, 18 (AFI) - O presidente Romildo Bolzan Júnior deu um pronunciamento nesta sexta-feira onde bancou a permanência de Renato Gaúcho como treinador do Grêmio. Por outro lado, Klauss Câmara não é mais o executivo de futebol.

Klauss Câmara chegou ao Imortal em janeiro do ano passado e era um dos principais alvos dos torcedores devido a queda de rendimento do time. Outro bastante criticado, o preparador físico Márcio Meira continua no clube.

Renato Gaúcho continua como treinador do Grêmio
Renato Gaúcho continua como treinador do Grêmio
"Estamos comunicando que o Klauss não é mais nosso gerente de futebol. Essa situação aconteceu pela manhã, depois da comunicação feita à imprensa. Cabe o agradecimento especial a ele", anunciou o mandatário tricolor.

RENATO GAÚCHO FICA!
Apesar de ser um dos maiores - se não o maior - ídolo da história do Grêmio, Renato Gaúcho vem sendo criticado pelos torcedores neste momento ruim. O treinador, porém, segue no cargo.

"Estamos juntos para salvar a moral, o nível de confiança do grupo, da comissão técnica. A avaliação do cenário que temos é de plena recuperação. Acredite a torcida nisso. Não tem avaliação interna, estamos convencidos em ficar como estamos e vamos passar por isso", afirmou Romildo Bolzan Júnior.

Na 12ª colocação do Brasileirão, com nove pontos, o Grêmio volta a campo no domingo, contra o Palmeiras, na Arena do Grêmio. Na quarta-feira, o Imortal tem o clássico diante do Internacional, pela Copa Libertadores.