São Paulo 2 x 2 River Plate - Tricolor busca empate, mas se complica no Grupo D

Apesar de ter dominado boa parte do duelo, os dois gols dos brasileiros foram marcados contra

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 17 (AFI) - Vindo de quatros jogos sem derrota no Brasileirão, o São Paulo não conseguiu embalar a segunda vitória seguida na Libertadores, no duelo que marcou a retomada do torneio sul-americano que ficou parado por mais de seis meses por conta da pandemia do novo coronavírus. Na noite desta quinta-feira (17), o time paulista recebeu e ficou no empate com o River Plate-ARG, pelo placar de 2 a 2 no Estádio do Morumbi. Os dois gols dos brasileiros foram contra.

________________________________________________________________________________________________________________
RÁDIO FI AO VIVO

Este jogo teve a transmissão ao vivo pela Rádio Futebol InteriorRádio FI – em parceria com a equipe GOL DE PLACA da rádio Nova Estação FM.

A narração foi do elétrico Edson Carlos, comentários de Vagner Prado, reportagens de Rodrigo Milani e Junior Alves. O comando geral ficou a cargo do expert do microfone, Célio Campos.

Para ficar por dentro de tudo que vai rolar na Rádio FI é só acessar: https://www.futebolinterior.com.br/radio-fi

É possível também acompanhar a narração pelo Aplicativo Rádio Futebol Interior ou ainda no Facebook e no Youtube Futebol Interior.
________________________________________________________________________________________________________________

GOL E VIRADA
Depois de sair na frente do placar logo no começo do primeiro tempo, o São Paulo viu o River Plate-ARG empatar logo em seguida e depois virar na reta final do segundo tempo. O time paulista respondeu na mesma moeda e também chegou ao empate minutos depois.

Com o resultado, os dois times estão empatados no Grupo D com quatro pontos. O time argentino fica em segundo lugar por conta dos critérios de desempate, enquanto o Tricolor vem em terceiro. LDU-EQU lidera com seis e Binacional-PER é lanterna com três.

AINDA INVICTO
O São Paulo permanece invicto contra times argentinos no Morumbi. São agora 12 partidas disputadas diante dos "hermanos" no estádio, com dez vitórias e dois empates.

Mas o resultado desta quinta-feira não é para ser comemorado, ainda mais porque a equipe terá pela frente a LDU e a altitude de 2.850 metros acima do nível do mar na próxima rodada.

No jogo desta quinta, o São Paulo teve a volta de Pablo, recuperado de lesão no abdômen. Ele atuou no lugar de Luciano, destaque da equipe nos últimos jogos que tem mais duas partidas de suspensão na Libertadores, em razão da confusão quando ainda defendia o Grêmio no clássico contra o Inter, antes da parada do futebol.

PRIMEIRO TEMPO
Aproveitando a falta de ritmo do River Plate-ARG que não entrava em campo oficialmente há seis meses, o São Paulo começou a partida fazendo pressão na área do adversário. Tanto que não demorou para abrir o placar.

Aos nove minutos, após uma boa trama do time paulista, Igor Vinicius inverteu para Reinaldo, que chegou batendo. A bola desviou em Enzo Pérez, bateu na trave e acabou matando o goleiro Armani, que só olhou a bola entrar.

São Paulo e River Plate-ARG empatam na retomada da Libertadores
São Paulo e River Plate-ARG empatam na retomada da Libertadores

A partir daí, o River Plate acordou para o jogo e depois de três tentativas, conseguiu deixar tudo igual. Aos 17 minutos, Julián Álverez apareceu sozinho na área e cruzou na medida para Borré, que livre de marcação, mandou a bola para o fundo das redes.

No final do primeiro tempo, Hernanes teve a chance de desempatar aos 35, mas acabou chutando para fora. Até por conta disso, o duelo foi para o intervalo empatado em 1 a 1.

SEGUNDO TEMPO
Na volta do intervalo, o São Paulo foi para cima e criou as duas primeiras oportunidades do primeiro tempo. Na primeira, Igor Gomes avançou pela esquerda e cruzou para trás. Na sobra, Igor Gomes chutou colocado e levou muito perigo ao gol de Armani.

No lance seguinte, Pablo arriscou de fora da área, mas colocou muita força na bola que acabou saindo por cima do gol.

MAIS EQUILÍBRIO
Depois disso, o River Plate passou a equilibrar o duelo com o passar dos minutos. E aos 34 minutos, conseguiu chegar a virada.

Após cobrança de escanteio, a bola sobrou para Quarta, que de primeira encontrou Julián Álvarez, livre, que chegou chutando forte, sem chances para Tiago Volpi, colocando o River Plate em vantagem.

Porém, o gol de empate do São Paulo veio logo depois e mais uma vez foi um gol contra. Aos 37, Reinaldo tabelou com Hernanes e cruzou na pequena área. O goleiro Armarni espalmou para o meio da área, mas a bola acabou batendo em Angileri e morreu no fundo das redes.

Depois disso, os dois times foram para o tudo ou nada, mas o duelo terminou mesmo empatado em 2 a 2.

PRÓXIMOS JOGOS
Os dois times voltam a campo na Libertadores já na próxima terça-feira (22) para a disputa da quarta rodada da fase de grupos. Fora de casa, o River Plate-ARG visita o Binacional, no Peru, às 21h30.

Mesmo horário em que o São Paulo visita a LDU, no Equador. O time paulista 'folga' na rodada do final de semana do Brasileirão.

Ficha Técnica

Fase
Fase de Grupos
Rodada
3ª rodada
Data
17/09/2020
Horário
19h00
Local
Morumbi - São Paulo (SP)
Árbitro
Esteban Ostojich (URU)

Renda
--
Assistentes
Richard Trinidad (URU) e Nicolás Taran (URU)

Público
Portões Fechados
Cartões Amarelos
São Paulo-BRA: Diego, Igor Gomes, Reinaldo
River Plate-ARG: De La Cruz , Carrascal

Gols
São Paulo-BRA: Enzo Pérez 9' 1T (contra), Angileri 37' 2T (contra)
River Plate-ARG: Borré 17' 1T, Julián Álvarez 34' 2T
São Paulo-BRA
Tiago Volpi;
Igor Vinícius, Diego, Léo e Reinaldo;
Tchê Tchê, Hernanes, Igor Gomes, Gabriel Sera (Toró) e Vitor Bueno (Paulinho Boiá);
Pablo (Brenner).
Técnico: Fernando Diniz
River Plate-ARG
Armani;
Montiel, Martínez Quarta, Pinola e Angileri;
Enzo Pérez (Sosa), Julián Álvarez, Ignacio Fernández (Ponzio) e De La Cruz (Cristian Ferreira);
Marías Suárez (Carrascal) e Borré.
Técnico: Marcelo Gallardo