Benfica tem ônibus apedrejado após tropeço e dois jogadores ficam feridos

O ataque ao ônibus se deu em uma via expressa, com as pedras tendo sido atiradas de um viaduto

por Agência Futebol Interior

São Paulo, SP, 04 (AFI) - O ônibus que transportava os jogadores do Benfica após o empate por 0 a 0 com o Tondela, nesta quinta-feira, foi atacado quando retornava ao centro de treinamentos da equipe. De acordo com informações da imprensa de Portugal, dois atletas ficaram feridos.

Segundo o diário esportivo "O Jogo", o ataque ao ônibus se deu em uma via expressa, com as pedras tendo sido atiradas de um viaduto, acertando o vidro frontal. E os estilhaços teriam provocado ferimentos no alemão Julian Weigl e no sérvio Andrija Zivkovic.

Ônibus do Benfica é apedrejado
Ônibus do Benfica é apedrejado

Os relatos da imprensa portuguesa são de que ambos atletas receberam os primeiros atendimentos médicos no CT do Benfica, depois sendo levados a um hospital, mas apenas por precaução.

No momento do ataque, o ônibus recebia escolta policial. Ainda assim, ninguém foi detido. O Benfica ainda não se pronunciou oficialmente sobre o incidente.

PORTUGUÊS
Após quase três meses de paralisação, o Campeonato Português foi retomado neste meio de semana. Com o empate, em casa, no Estádio da Luz, o Benfica chegou aos mesmos 60 pontos do primeiro colocado Porto, que está em vantagem por ter vencido os dois clássicos entre as equipes pela competição

"O Sport Lisboa e Benfica repudia e lamenta o criminoso apedrejamento de que foi vítima o autocarro dos seus jogadores à saída da A2, quando se dirigia para o Centro de Estágios do Seixal, no final do jogo frente ao Tondela, realizado na noite de quinta-feira no Estádio da Luz. Informamos que, por uma questão de precaução, os jogadores Julian Weigl e Zivkovic, de imediato, foram levados ao Hospital da Luz para serem observados, na sequência dos estilhaços que os atingiram. O Sport Lisboa e Benfica garante a sua total colaboração com as autoridades, a quem apela para que seja feito o maior esforço, no sentido de identificar os delinquentes responsáveis por estes atos criminosos", diz a nota oficial do Benfica.