Seleção FI da Série B entra na doideira e tem novo artilheiro e até Jesus

Portal FI traz os jogadores que se destacaram ao longo da 18ª e penúltima rodada do turno na Série B

por Agência Futebol Interior

Campinas, SP, 26 (AFI) - Cinco vitórias seguidas, vice-liderança e a um ponto do líder. A Seleção Futebol Interior da Série B do Campeonato Brasileiro não poderia ser comandado por outro técnico que não fosse Lisca. A doideira tomou conta do América-MG e dos 11 escalados da 18ª rodada que contam com o novo artilheiro e até Jesus.

Caio Dantas deixou para trás Léo Gamalho, ex-CRB, e Breno Lopes, do Juventude, ao anotar seu nono gol na Série B. E o tento anotado foi logo contra o Cuiabá, seu ex-clube e também ex-líder da Série B. Ele tem a seu lado, na Seleção FI, Bruno Gomes, do Paraná, e Pablo Dyego, do CRB.

A Seleção da Série B também conta com os milagres de Gabriel Mesquita, goleiro do Guarani, e de Anderson Jesus, que fez gol pelo América-MG. Aqui só tem craque e todos sabem o caminho do gol.

CONFIRA OS ESCOLHIDOS PARA A SELEÇÃO FI DA SÉRIE B:

É Lisca doido no Coelho! (Foto: João Zebral / América-MG)
É Lisca doido no Coelho! (Foto: João Zebral / América-MG)

Goleiro: Gabriel Mesquita (Guarani)
Gabriel Mesquita fechou o gol. O Avaí bem que tentou, mas o goleiro do Guarani mostrou segurança, agilidade e elasticidade. Gabriel Mesquita fez importantes defesas e garantiu a vitória bugrina.

Lateral-direito: Luís Gustavo (Sampaio Corrêa)
Foi ele o responsável por frear qualquer tentativa do ex-líder Cuiabá. Antes mesmo dos mato-grossenses sonharem com a recuperação, o lateral fez questão de ir ao ataque e abrir o marcador logo aos 5 minutos. Gol importante para o Sampaio Corrêa se impor em casa e buscar a recuperação.

Zagueiro: Anderson Jesus (América-MG)
A famosa "Lei do Ex" entrou em campo. O zagueiro Anderson Jesus abriu o caminho para a quinta vitória seguida do América-MG que ficou a um ponto da liderança. O xerifão subiu sem a zaga do Confiança notar e mandou para as redes.

Zagueiro: Romércio (Guarani)
Seguro lá trás, Romércio ainda mostrou que leva jeito no sistema ofensivo. Foi dele o gol que deu a segurança para o Guarani confirmar mais uma vitória e se afastar da zona de rebaixamento.

Romércio deixou o seu na vitória do Bugre. (Foto: Divulgação)
Romércio deixou o seu na vitória do Bugre. (Foto: Divulgação)
Lateral-esquerdo: Diego Renan (CSA)

O CSA sofreu um gol logo no início, mas dominou o Brasil de Pelotas durante boa parte do jogo. O time gaúcho se defendeu como pôde e só cedeu o empate graça a boa bola cruzada por Diego Renan para Yago marcar. Além disso, o lateral aproveitou sua experiência para comandar a saída de bola e dar início às principais jogadas de perigo do time alagoano.

Volante: Ferreira (Botafogo)

Ferreira deu um pouco de alívio ao Botafogo. Seguro atrás, ele ainda garantiu o segundo gol no triunfo do Botafogo, por 2 a 1, sobre o Vitória. Aos 24 minutos, Val tocou para Ferreira que acertou um chutaço de fora da área e marcou um bonito gol. Ferreira é o nome dele!

Meia: Carlos Eduardo (Juventude)

Mesmo jogando fora de casa, o Juventude conseguiu segurar o empate por 1 a 1 com o Figueirense e conseguiu, enfim, entrar no G4 do Campeonato Brasileiro da Série B. Um dos grandes destaques do JU no duelo foi o meia Carlos Eduardo, que marcou o único gol da equipe gaúcha e participou de todas as jogadas ofensivas, com a bola sempre passando pelo seus pés.

Meia: Aylon (Chapecoense)

Aylon tem sido um dos principais nomes da Chapecoense. Todo jogo ele faz algo diferente. Seja gol ou assistência. Desta vez, ele fez cruzamento preciso na segunda trave para o centroavante Anselmo Ramon anotar seu sétimo gol e o tento da vitória da Chape. Aylon é o termômetro do líder da Série B.

Aylon tem sido o grande destaque da Chape. (Foto: Márcio Cunha / Chapecoense)
Aylon tem sido o grande destaque da Chape. (Foto: Márcio Cunha / Chapecoense)

Atacante: Bruno Gomes (Paraná)
Foi um do destaques da vitória do Paraná por 4 a 0 para cima do Oeste no encerramento da 18ª rodada da Série B. Fez os dois gols e criou as principais oportunidades da equipe. Mostrou seu faro de artilheiro e deixou claro que poderá fazer a diferença a favor do Tricolor.

Atacante: Caio Dantas (Sampaio Corrêa)
Prazer, novo artilheiro da Série B. E isolado! Adeus, Léo Gamalho e Breno Lopes. Caio Dantas marcou mais um e chegou a nove gols na Série B. Nenhum atleta tem tantos gols como ele na edição 2020. Caio Dantas tem sido o nome nesta recuperação da Bolívia que já sonha com o G4.

Novo artilheiro da Série B. (Foto: Lucas Almeida / Sampaio Corrêa)
Novo artilheiro da Série B. (Foto: Lucas Almeida / Sampaio Corrêa)

Atacante: Pablo Dyego (CRB)
O jogo no Rei Pelé estava naquele marasmo, mas com atacante que "cheira gol" não se pode brincar e muito menos cochilar. Pablo Dyego foi o responsável por dar a única alegria e emoção do jogo. Ele estava no lugar certo e na hora certa para escorar cruzamento rasteiro e garantir a vitória do CRB que voltou a encostar no G4 da Série B.

Técnico: Lisca (América-MG)
De doido ele não tem nada. Lisca sabe ler uma partida e sabe como motivar seus jogadores. Enquanto os rivais tropeçam, o América-MG cresce e sobe na tabela. O Cuiabá já ficou para trás e, agora, o próximo alvo é a Chapecoense. Alguém duvida que os "doidos" do América vão buscar?