No jogo 100 de Nunes, Athletico busca novas boas lembranças no Maracanã

Lendário estádio carioca foi um dos palcos da caminhada athleticana rumo ao título da Copa do Brasi

Publicado em .

Lendário estádio carioca foi um dos palcos da caminhada athleticana rumo ao título da Copa do Brasi

Curitiba, PR, 16 (AFI) - Derrotado por 2 a 0 para o Flamengo em Curitiba, no último domingo, o Athletico-PR tem pela frente mais um duelo contra um clube carioca. O adversário da vez é o Fluminense, em jogo que será o centésimo de Tiago Nunes no comando da equipe. A partida está marcada para as 21 horas desta quinta-feira, no Maracanã, onde os athleticanos viveram momentos de alegria em um passado recente.

O lendário estádio foi um dos palcos da caminhada rumo ao título da Copa do Brasil. Em julho, depois de empate por 1 a 1 com o Flamengo, na Arena da Baixada, o Athletico repetiu o resultado no Rio de Janeiro e avançou às semifinais ao vencer por 3 a 1 nos pênaltis. No ano passado, o time paranaense teve outra passagem de sucesso por lá, batendo o próprio Fluminense por 2 a 0, nas semifinais, antes de conquistar o título sobre o Junior Barranquilla.

“É sempre bom lembrar dos bons momentos que tive lá. Jogar no Maracanã é sempre um sonho, uma satisfação imensa. Espero estar iluminado para fazer um bom jogo. O Fluminense é uma grande equipe e que está saindo de uma situação difícil. Então, teremos que saber suportar a pressão”, comentou o atacante Rony.

Foto: Miguel Locatelli / Athletico Paranaense
Foto: Miguel Locatelli / Athletico Paranaense
NO BRASILEIRÃO
Apesar disso, na atual edição do Brasileirão, quando foi ao Maracanã, ainda durante o primeiro turno, perdeu por 3 a 2 para o Flamengo. Hoje com 35 pontos, em décimo lugar, o Athletico tentará superar um Flu em plena reação, sem perder há cinco rodadas.

RETORNOS
Para o duelo, o técnico Tiago Nunes ganhou o retorno dos zagueiros Bambu e Pedro Henrique, liberados pelo departamento médico. Como Tiago Heleno cumpre suspensão por ter recebido o terceiro cartão amarelo, um dos dois deve ser escalado no time titular.

O treinador voltará a contar também com o goleiro Santos e o volante Bruno Guimarães, que estavam servindo as seleções pré-olímpicae principal, respectivamente.

O Athletico deve ir a campo com Santos; Madson, Pedro Henrique (Bambu), Léo Pereira e Márcio Azevedo; Wellington; Bruno Guimarães, Léo Cittadini, Rony e Marcelo; Marco Ruben.